Salada de abacaxi com acelga e repolho

Envie uma foto desta receita! Adicionar ao livro
Salada de abacaxi com acelga e repolho
Salada de abacaxi com acelga e repolho
Envie uma foto
Ingredientes
  • 1/2 abacaxi
  • 1/2 repolho
  • 1/2 acelga
Como fazer
  1. Picar tudo miudinho e misturar.
Esta receita foi um amigo que me indicou, numa reunião em que estávamos falando de comida. Resolvi experimentar e adorei. Agora faço toda semana na minha casa.


Receita indicada por Petronilo Pereira Filho
Tags: Abacaxi, Verduras, Saladas, Acelga, Sem tomate, Entradas
Esta com dúvidas sobre esta receita? Tente o nosso fórum culinário!

Reportar erros nesta receita

Vídeos relacionados:

Você também pode gostar ...

Envie uma foto desta receita! Adicionar ao livro
Este comentário foi relevante? 0

Nos anos 60 meu irmão era fiscal do Banco do Brasil e viajava muito na zona rural fiscalizando fazendas. Certo dia ele me chamou para fiscalizar um sítio distante. Saímos cedinho e nos perdemos na estrada. Quando conseguimos chegar lá, já passava do meio dia. Para nossa decepção o dono não estava, somente o caseiro. Mesmo assim foi feita a fiscalização, pois o caseiro sabia do que se tratava. Após o trabalho o caseiro nos ofereceu um cafezinho, que foi rejeitado. Ele sem entender o por que, fez algumas perguntas e chegou a conclusão de que estávamos com fome, pois tínhamos chegado tarde, só com o café da manhã. Ele foi até a cozinha e cochichou com a esposa. Na vota disse que só tinha um resto de feijão, cuscuz e ovo. Se nós quiséssemos ele mandaria ajeitar. A oferta foi aceita na hora. Ele volta à cozinha e só ouvíamos o barulho do abano atiçando o fogão de lenha. Daí a pouco o chiado de fritura. Quando fomos chamados à mesa, lá estavam uma tigela de feijão, fumegante, um prato de cuscuz de milho e meia dúzia de ovos caipira fritos, na banha de porco. O moço pediu desculpas pela comida fraquinha e a esposa, envergonhada, também deu suas desculpas alegando que eram pobres e que nós chegamos sem avisar. Comemos aquela comida e sentamos numas cadeiras de balanço para o descanso. Quando saímos agradecemos ao casal e eu falei: - Essa foi a melhor refeição que fiz na minha vida. Estava deliciosa! A senhora achou que era brincadeira minha e comentou que era muito fraquinha, sem tempero, mas eu argumentei: - Minha senhora, o melhor tempero da comida é a fome e essa era grande! Eles riram e concordaram comigo.

Moral da história: “Não há comida ruim, há falta de apetite”.

PETRO - em 09/11/2007
Vídeos - Como Fazer