Ragu de costela de boi

Envie uma foto desta receita! Adicionar ao livro
Ragu de costela de boi
Ragu de costela de boi
Envie uma foto
Ingredientes
  • 3 colheres de sopa de óleo
  • suco de 1 limão
  • 4 folhas de louro
  • 1,2 kg de carne de costela de boi desosada e limpa cortada em cubos
  • 2 cebolas médias picadas
  • 4 dentes de alho esmagados ou em filetes
  • 6 tomates maduros em cubos
  • 4 cubos de caldo de costela
  • 250 ml de vinho tinto (de boa qualidade)
  • 1.2 l de água
  • 1 xícara (chá) de polpa de tomate
  • ervas a gosto (manjericão, tomilho, salsinha, cebolinha, orégano frescos)
Como fazer
  1. Lavar muito bem a carne e deixar no suco de limão.
  2. Colocar o óleo em panela de pressão e selar a carne aos poucos e reserve.
  3. Depois de selar toda a carne, voltar tudo pra panela e colocar a cebola e o alho.
  4. Misturar e deixar refogar bastante, mexendo sempre.
  5. Quando a cebola estiver mais translúcida, colocar o 1,2 L de água fervendo, o louro e os sachês de caldo de costela.
  6. Cozinhar na pressão por 35 minutos (contar o tempo após a pressão iniciar).
  7. Desligar a panela e esperar sair a pressão.
  8. Abrir a panela e ver se a carne está bem macia.
  9. Ela deve desfiar fácil, com a ajuda de um garfo.
  10. Se precisar, deixar mais um pouquinho na pressão.
  11. Desfiar toda a carne e voltar para o caldo da panela.
  12. Juntar o tomate, o vinho, e a polpa de tomate.
  13. Cozinhar com a tampa aberta, até o caldo engrossar.
  14. Colocar as ervas, mexer por 2 minutos.
Observações:

Muito gostoso para comer com polenta, massa, pão, ou como a imaginação mandar!

Não usar vinho tinto de segunda, pois estraga a receita. Também não precisa ser muito caro, eu usei um chileno cabernet e ficou ótimo.

Dica do CyberCook:
Para a carne não soltar água na hora de selar, fritar aos poucos sem colocar nenhum sal (na receita não vai, mas a dica serve para qualquer preparo que tiver que selar a carne) e só mexer na carne para virar somente na hora que o cinza estiver chegando na parte que ficou pra cima do óleo, aí, virar delicadamente SEM FURAR com o auxílio de uma escumadeira ou uma pinça. Isso vai diminuir muito a água que a carne solta e vai manter todos os sucos dentro dela, deixando-a macia e deliciosa.

Cozinha:
Receita indicada por Monica Abreu
Tags: Receitas com Suco de Fruta, Costela de boi, Receitas com Caldo, Vinho tinto, Alho, Pratos principais, Salsinha, Polpa de tomate, Caldo de Costela, Panela de Pressão, Costela, Carne, Tomilho, Cebolinha, Louro
Esta com dúvidas sobre esta receita? Tente o nosso fórum culinário!

Reportar erros nesta receita

Vídeos relacionados:

Você também pode gostar ...

Envie uma foto desta receita! Adicionar ao livro
Este comentário foi relevante? 1

Cada um toma conta do seu RAGÚ!


Ótima receita!

O Roma! Concordo que com o osso fica melhor. Mas para de "se pendurar na receita dos outros" , como disse nosso amigo.

Você se diz tão educado e de alto nível to comparando VACA ATOLADA com RAGÚ?!

Do meu Ragú cuido eu! E deixa a monicota cuidar do dela. :)

Diogo - em 21/02/2013
Este comentário foi relevante? 0

provei a receita e ficou uma delicia!


bella - em 28/04/2013
Este comentário foi relevante? 0

o ragu que já comi


Pena..... de quem não comeu o ragu da receita da mônica, agora só fazendo pra saber como é bom......

Então negada vamos tirar a lona e as grades desse papo fazer a receita, e não dar atenção pra esse comentário da roma nona sei lá o que é essa coisa.

eu comi o ragu - em 22/02/2013
Este comentário foi relevante? 0

Delícia !


Nossa ! Ficou incrível ! Desmancha na boca e o complemento sugerido ... Hummmmmm ! 100 Estrelas !

sylvia - em 21/02/2013
Este comentário foi relevante? 0

Ragú delicia


Testei a receita e achei o ragú delicioso.

Roma, posta a sua. Quero comer seu Ragú!

Paulo Jr - em 21/02/2013
Este comentário foi relevante? 0

Ragu de costela sem a própria? Não mesmo!


Concordo inteiramente com Roma. Não cometa o desatino de remover a carne crua da costela. Cozinhar a costela tal como veio do boi (vaca, novilho ou assemelhado) e só depois de bem macia, retirar a carne do osso. O gosto dessa carne ficará bem mais acentuado.

Constancio - em 19/02/2013
Responder a este comentário 1 Resposta
Resposta de Monicota - 21/02/2013 Constancio, como vai? Entendo o seu ponto, mas essa receita que postei é feita desta maneira, e ela não diminui a graciosidade do seu sabor.. talvez a costela cozida com seu osso realmente fique mais saborosa, mas acho que existe espaço para todo mundo e todos os métodos. De qualquer forma, fica a dica e quem sabe de uma próxima vez, eu faça a receita e mantenha os ossos antes de cozinhar? :) Obrigada.
Este comentário foi relevante? 0

Ragu de costela de boi


Primeiro. Não generalize. Existe costela de vaca, de novilho, de novilha.

Segundo. Não dificulte. Que tal uma receita de "Vaca atolada"? Fica mais fácil. Depois de fria e macia, retiram-se os excessos de gordura, as aponeuroses e as costelas. Cozinhar com as costelas, deixa o prato -Ragu - com mais sabor e ficam mais fácil de desfiar, do que cozinhar em separado.

roma - em 18/02/2013
Responder a este comentário 4 Respostas
Resposta de zinho - 19/02/2013 primeiro: que tal pôr em prática a educação que"talvez" vc tenha recebido. Faça comentários relevantes à receita e não a redação, sexo do anjos, etc.

Sr roma ou Sra. Roma, poste você o seu Ragú perfeito ao invés de ficar se pendurando na receita alheia.

Pessoas deselegantes não são bem vindas em lugar algum. !
Resposta de Monicota - 19/02/2013 Roma, como vai?

Fiquei meio surpresa com seu comentário.... Nao fui genérica, e sim específica: costela de BOI, e nao vaca, novilho, etc. Depois... Vaca atolada é um outro prato, uma outra receita, onde a carne é cozida com mandioca, nao leva vinho e tem outra proposta... Com carinho, aconselho que você teste a receita que postei, se tiver um pouco de tempo e paciência; garanto que vai gostar muito e constatar que é bem diferente de vaca atolada :)
Resposta de roma - 20/02/2013 Ao insignificante "zinho", a minha educação não permite que em um ato de rebaixamento ao seu nível seja ele em que nível se encontrar, se é que tal exista, entre em uma polêmica insipida, mas que tem as características odoríficas de CH4, venha me rebaixar em polemizar. Infelizmente pessoas como a sua, apresentam níveis de pertubação psicológica, não se adequam ao meio social, são mal resolvidas emocionalmente e faço das suas palavras as minhas: Pessoas deselegantes não são bem vindas em lugar algum!
Resposta de Monicota - 21/02/2013 Zinho, agradeço a sua colocação e gentileza. :)

Roma, agora quem ta fazendo a polêmica é você, sendo tão duro nos seus comentários... ficou feio. Uma pena...
Vídeos - Como Fazer